S05E08 – Hardhome

Queria agradecer as inúmeras visitas no blog. O número foi surpreendente. Sei que todos acessaram o blog procurando pela resenha, e agora venho trazer-las para vocês.

Captura de Tela 2015-06-01 às 23.51.31

Dessa vez, a resenha precisou ser diferente, pois o episódio exigiu que eu entrasse um pouco na seara das teorias.

Há elementos plantados na série que provavelmente serão usados lá na frente e isso envolve Jon, Tormund e os Caminhantes Brancos.

Não ia fazer paralelos com os livros, mas trarei um pouco das histórias da Velha Ama. Bem… Falarei sobre isso mais para frente.

Imagino que vocês tenham ficado eufóricos, assim como eu fiquei, ao final de S05E08 – Hardhome.

Hardhome ganhou o posto de melhor episódio, fácil. E não foi só por causa dos desdobramentos da ida de Jon Snow para Durolar, e sim por todo o desenvolvimento do episódio como um todo. Os diálogos de Daenerys e Tyrion foram sensacionais, a nova realidade de Cersei também…

Enfim… um maravilhoso episódio.

S05E08 – O que o episódio nos trouxe?

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.41.09

O episódio se inicia justamente após o término do anterior. Tyrion e Jorah estão na Sala do Trono de Daenerys, esperando por julgamento.

Esse é um novo núcleo que tem muito para agregar à série. Se estávamos cansados de um núcleo enfadonho em Meereen, com a chegada de Tyrion podemos esperar momentos interessantes. E só com esse início é possível ver que haverá uma melhora significativa.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.41.20

A única arma de Tyrion é sua mente e sua língua. Duas armas que ele sabe usar muito bem. Nesse diálogos vemos que ele provou ser alguém que Daenerys precisa.

Gostei muito ao ver a sagacidade de Daenerys, pedindo que, então Tyrion a aconselhasse sobre o destino de Jorah Mormont. O passo que Tyrion dá em direção à Mãe de Dragões é muito significativo. Não tem como não vibrar com a cena.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.44.15

Coma aquele gesto, ele deixa de ser alguém que está com Jorah, e passa para o lado de Daenerys. Essa alteração sutil de posição mostra o que ele será daqui pra frente.

Um governante que mata aqueles que lhe são devotos… Não é um governante que inspire devoção.

Tyrion fica do lado de Daenerys, porém consegue fazer com que ela poupe a vida do homem.

Em um primeiro momento, fiquei irritado com atitude de Tyrion. Jorah foi o homem que o salvou de morrer afogado no ataque dos Homens-Cinza. Porém, pensando friamente, Jorah pensou apenas em si mesmo, e no “presente”que levava para Daenerys.

Outro fato é que Tyrion viveu tempo o suficiente em Porto Real, para entender que no Jogo dos Tronos ou você joga, ou você morre.

Atravessar o Mar Estreito, encontrar Daenerys e desagradá-la, não seria uma atitude muito esperta. Então, ele fez o que deveria fazer.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.50.09

Depois vamos para Porto Real ver Cersei. Como havia falado, a série desenvolveu completamente o núcleo de Cersei. Desde o início vimos os passos que ela deu, e agora entendemos por que ela está ali.

Confessar não parece ser uma opção para ela, porém não haverá outra saída, caso ela queria sair dali viva e sã.

A Irma Silenciosa é mostrada de tal forma que ficamos com medo. Nos sentimos pequenos, nos sentimos presos ali, dentro daquela cela. Foi uma cena rápida, porém claustrofóbica.

Em Bravos temos Lanna. Arya anda pelos canais, vendendo seus frutos do mar. Bateu uma vontade de ler os capítulos da Gata dos Canais. O modo como Bravos é abordado surpreende a cada episódio que vemos essas gravações externas.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.46.57

É interessante ver ela seguindo as instruções de Jaqen.

Perceberam que nessa cena, tivemos uma passagem de tempo grande? As cenas mostram a conversa dos dois na Casa de Preto e Branco e depois o resultado dos pedidos de Jaqen. Ela virando na rua que ele pediu, depois ela prestando atenção no que ele solicitou. Achei bem legal, pois funcionou para mostrar que ela é Lanna or um bom tempo.

E no final, chegamos no momento em que há um homem no Templo, implorando pela ajuda do Deus de Muitas Faces.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.47.06

O núcleo Jaqen e Arya está muito bem desenvolvido, e ver ele ali faz sentido. Quem acompanha a série, já havia se afeiçoado à eles juntos, e agora está ainda melhor.

O desapego de Jaqen é explícito. É obvio que ele não tem apego algum por Arya, e só serve os desígnios de seu Deus.

Novamente em Porto Real, vemos o mestre Qyburn conversando com Cersei.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.49.44

Rapidamente temos várias notícias, e nenhuma delas é uma boa notícia para Rainha-Mãe. Ele deixa claro que o trabalho continua. Será que ela entendeu a deixa?

O trabalho consiste na criação do “monstro”que Qyburn mantém em sua sala. Será ele que salvará Cersei.

Agora no Norte vemos mais um diálogo entre Sansa e Theon. É visível que Theon não consegue mais agir por si só. O medo está tão arraigado em seu ser, que tem receio de ouvir seu verdadeiro nome.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.51.34

Sei que isso vem desde  temporada passada, mas serve para mostrar que há algo ainda mais forte dentro dele. Mais forte do que o medo exercido por Ramsay. Mais forte do que o medo de sofrer.

Ele não ter matado Bran e Rickon. É a única coisa que ele guardou consigo, a única coisa boa que resta de Theon. Para Theon, ele não matou “seus irmãos”.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.51.43

O que mudará agora, que Sansa sabe que seus irmãos podem estar vivos?

O destino de Rickon e Bran já é de conhecimento dos Bolton. No episódio S04E04 – Oathkeeper vemos Roose Bolton enviando Vargo/Locke para a Muralha para buscar informações sobre Bran e Rickon.

Então essa informação já está disseminada na série e agora temos ela novamente sendo divulgada. E será elemento para desenvolver o núcleo de Sansa, que provavelmente se juntará ao núcleo de Brienne.

Acredito que essa informação não será compartilhada com Mindinho. Será uma peça do jogo de Sansa. E assim ela poderá jogar com isso, mais para frente.

Só para terminar o raciocínio.

O que Sansa sabe até agora? Sabe que seu meio-irmão é Lorde Comandante da Muralha. Se Theon, no próximo episódio disser que os garotos rumaram para o Norte, é provável que Sansa fuja e queira ir até o Norte, se encontrar com Jon e juntos, quem sabe, encontrarem Rickon e Bran. Esse seria o pensamento mais lógico e o caminho mais certo à percorrer.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.52.05

Ainda em Winterfell vemos que há 6.000 homens ao lado de Stannis e Roose não quer apostar alto, pois tem Winterfell, e nunca perderá o controle por uma manobra impensada. Acontece que seu filho tem uma mania de grandeza.

Eu duvido que 20 homens ajudem na derrocada de Stannis. E espero que Ramsay não tenha êxito em sua investida. Porém o personagem só ganha importância no decorrer da série.

Será que veremos a Carta de Ramsay na série? Espero que sim. Quem quiser saber mais sobre a carta, é só clicar aqui Carta de Ramsay.

Em Meereen, vemos mais um diálogo entre Daenerys e Tyrion.

Daenerys ainda não decidiu se irá executar Tyrion e enquanto isso eles conversam. Sobre a vida, sobre os pais, sobre Westeros e sobre Essos.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.53.31

o assunto se trata de pais, e ambos com pais problemáticos conseguem se entender.

Se bem que O Rei Louco, tem um passado interessante com os Lannister, e se isso for comprovado, esse diálogo fica ainda mais interessante. Quem quiser saber mais, é só clicar aqui. Tyrion Lannister?

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.53.40

No decorrer da conversa Daenerys é visível que Daenerys passará a ouvir Tyrion. E estava na hora, dela ouvir alguém que sabe o que faz.

Se bem que eu gostaria de ver mais decisões acertadas dela, antes de Tyrion chegar. Pois assim, ele poderia dizer quais foram os acertos e quais os erros até o momento, e assim ela, por si só, passasse a agir de forma mais acertada.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.55.51

Tyrion está completamente no controle. Elogia ela na decisão de abrir as Arenas. Se muitos queriam Sor Barristan como Mão da Rainha, sinto dizer que quero mesmo, é ver Tyrion nesse cargo.

 É interessante e cômico ver que as duas pessoas em que Tyrion confia são as duas pessoas em que Daenerys não confia. Varys (aquele que supostamente dava informações sobre ela ara o Rei) e Jaime (que matou seu pai).

 Daenerys tem algumas ideias próprias, e destruir a roda, parece ser uma saída interessante. Acredito que no final da série, não teremos mais um Reino como conhecemos. Não haverá um Trono de Ferro. E sim vários reinos separados, como era antes de Aegon.

Há também uma rápida cena com Jorah decidindo gastar sua vida lutando até o fim por Daenerys.

Voltamos para Porto Real e Cersei está ainda pior. Porém, no final, ela sobreviverá. E cada um que tornou sua vida um inferno, pagará. Imagino a morte dessa irmã (não tão) silenciosa.

ATUALIZADO – (soube em um comentário que essa não é uma irmã silenciosa, e sim uma septã. Faz sentido, pois essa mulher fala).

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.56.41

Beber água do chão é a maior humilhação para ela. Os próximos dois episódios trarão a Caminhada da Vergonha, e é provável que vejamos a criação de Mesitre Qyburn de pé, para ajudá-la.

O núcleo que melhor foi desenvolvido ate’o momento nessa temporada. E o próximo que veremos, na minha opinião, também caminhou muito bem construído.

Sam e Olly tem uma conversa sobre as atitudes de Jon. E por ironia do destino é exatamente Sam que dá para Olly o que ele necessitava.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.58.45

Sam dá suporte para as decisões que Olly, aparentemente pensa em tomar.

As vezes um homem tem que fazer escolhas difíceis, escolhas que parecem erradas apara os outros, mas sabem que estão certas a longo prazo.

Olly pensa, e busca uma confirmação… E Sam, responde:

Com todo meu coração!

Olly e seu desenvolvimento dentro da série

Agora peguem essa frase. E coloque em outro contexto. Olly não está contente com as ações de Jon. É contra os Selvagens na Muralha. E se a escolha difícil for o único modo de impedir essa loucura? Impedir que Jon traga mais selvagens?

Se Olly decidir matar Jon, ele sabe que a decisão aparecerá errada no início, mas estará certa a longo prazo.

Se a série desenvolveu o destino de Cersei de forma bem orquestrada, a morte de Jon também será bem planejada. Ao menos as motivações de Olly estão de acordo com o desenvolvimento de seu personagem. Mesmo sendo um personagem criado na série, ele foi desenvolvido de forma crível, e poderá ser responsável por importantes desfechos.

Conforme mostrei no post anterior, vemos todos os momentos em que Olly questiona as atitudes de Jon e parece querer fazer algo a respeito. E indiretamente Sam ajudou Olly a se decidir.

A missão em Durolar

E agora… O momento mais esperado por mim, tanto para escrever quanto para reaver na tela.  Temos aproximadamente 30 minutos de Jon Snow em Durolar.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.59.19

Essa cena nos mostrou que a série sabe para onde está indo.

Longe dos livros? Abordagem diferente? Que seja.

Porém está seguindo o que se propôs a fazer. Tivemos muitas informações sobre os Caminhantes Brancos em  S04E04 – Oathkeeper, e de repente não se falou mais deles. E quando menos esperávamos, vimos eles. E de uma forma nunca vista antes.

Captura de Tela 2015-06-01 às 12.59.32

Sobre a batalha é necessário chamar a atenção quanto a qualidade de atuações de  figurantes, detalhes em cada roupa, cada casa. Ou seja, cada momento desse final de episódio, foi muito bem orquestrado.

Jon Snow e Tormund não estão livres da morte (eu pensava). Impossível não ficar com medo. Qualquer um ali pode sacar uma faca e matá-los. Como não sabemos o que esperar, nada impede que qualquer um morra.

Captura de Tela 2015-06-01 às 13.01.27Quando A Longa Noite é citada, eu pirei. Isto me dá esperanças de vermos Azor Ahai, e ele ser Jon Snow. Ver Jon como o Campeão que impedirá o avanço dos Caminhantes Brancos será perfeito.

Neste episódio vimos realmente que é melhor um selvagem vivo dentro da Muralha, do que um selvagem morto e revivido pelos Caminhantes Brancos.

Captura de Tela 2015-06-01 às 13.01.40

A mulher selvagem aceita (mulher essa que poderia muito bem ser Harma Cabeça de Cão), o velho também, e quando gigante se manifesta… Eu quase chorei de alegria.

Os selvagens foram muito bem retratados na série. Os gigantes haviam ficado sensacionais na terceira temporada, mas ve-los novamente foi ótimo.

Captura de Tela 2015-06-01 às 13.04.06

Wun Wun! O gigante que vai para a Muralha estava ali. Porém o Thenn não aceitou a proposta.

Ficou claro o uso do Vidro de Dragão, mas também a “desculpa” para esse vidro sumir. Foi  bem dada, ainda que eu não tenha curtido isso. Perderam as facas, e agora apenas Aço Valiriano poderá ajudar.

Quando um som, de tempestade começa a tomar conta do local e cães começam a latir para o vento… É ai que o episódio passou de bom, para épico.

É nesse momento que o medo se instala. E daqui para frente o episódio é angustiante, desesperador, sensacional!

Captura de Tela 2015-06-01 às 13.04.15

O exército dos Caminhantes Brancos apareceram de uma forma nunca vista na série. Desesperados, fortes e o que é pior: rápidos.

Essa cena me lembrou a batalha na Muralha. Uma correria sem fim. Os efeitos foram ótimos, e as cenas de luta superaram em muito, as lutas já apresentadas. E olha que nem vou citar a batalha das Serpentes de Areia.

Captura de Tela 2015-06-01 às 13.04.53

Realmente o núcleo do Norte é de longe o mais interessante nessa temporada. Jon lidera os Irmãos de maneira memorável. E Tormund luta, como se sua vida dependesse daquilo. E depende!

Quando Jon grita:

Irmãos da Patrulha! Comigo!

Dá uma sensação de episódio final! Dá um arrepio! Jon levando seus irmãos para batalha, ao lado de Tormund É COMPLETAMENTE FODA!!!

Captura de Tela 2015-06-01 às 22.31.41

Tormund e Jon, lutando lado a lado me lembrou uma história da Velha Ama, que tem TUDO a ver com o episódio de hoje, e falarei sobre isso mais adiante.

É interessante ver como os “wight” se portam. Atacam com armas, dentes e garras. Há diversos níveis de deterioração, mas poucos estão iguais aqueles enterrados próximo a caverna de Brynden, que vimos na temporada anterior.

Captura de Tela 2015-06-01 às 18.06.15

O avanço não pode ser detido. E quando vemos os Caminhantes Brancos no topo do planalto, em seus cavalos, você sabe que tudo vai dar errado.

Jon e o Caminhante Branco

E a cena que deixou todos atónitos, se é que já não estavámos… O momento em que o Caminhante Branco aparece na cabana em chamas.

Captura de Tela 2015-06-01 às 13.06.10

A coreografia do duelo foi muito bem montada, e tudo ficou perfeito. A espada de Jon se mostrou eficiente. Aço Valiriano, mostrando que guarda ainda a antiga magia dentro de si.

Jon lutou bem demais. Ou seja, mostrou o que pode fazer com o treinamento que teve na Muralha.

Captura de Tela 2015-06-01 às 18.11.39

Na verdade pudemos ver o poder de um Caminhante Branco. Se não fosse sua espada, Jon, nÃo sobreviveria. Foi toda demais ver a surpresa nos olhos do Caminhante Branco, quando a espada de Jon aparou o golpe.

Captura de Tela 2015-06-01 às 18.12.02

Diferenças entre Outros, Caminhantes Brancos e wight

É preciso falar rapidamente sobre a diferença entre essas denominações, pois a tradução em português nunca ajudou muito.

Captura de Tela 2015-06-01 às 15.49.25
Caminhantes Brancos, também chamado de Outros

Existem os Caminhantes Brancos, também conhecido como os Outros. São as criaturas misteriosas brancas, que reanimam os corpos dos mortos. eles que morrem ao serem atingidos por aço valiriano e vidro de dragão.

Captura de Tela 2015-06-01 às 18.05.47
wight – corpo reanimado por magia

Já os mortos reanimados são conhecidos por wight nos livros, porém na tradução brasileira, foi traduzido como criatura. Sendo assim, o termo seria “criatura”, mas podemos confundir quando o autor se refere à qualquer criatura no livro. Então melhor chamarmos de wight.

As wight são dispensáveis

Captura de Tela 2015-06-01 às 18.12.30

Perceberam que os Caminhantes Brancos usam os mortos como “munição”. Eles são apenas uma arma. Podem ser usados de qualquer forma. Mesmo que muitos se destruam, outros continuarão a seguir.

Captura de Tela 2015-06-01 às 15.50.15Ficou claro que a escolha de Jon, em trazer os Selvagens para dentro da Muralha não é uma decisão inconsequente. É uma necessidade.

Diminuir a possibilidade de um exército é a melhor saída. E hoje nós vimos com esse exército pode ser um problema.

A morte da mulher selvagem, foi bem tensa. Vimos ela com suas filhas, e isso já cria um laço amoroso com criança. E logo depois, ela vê criança reanimadas.

Captura de Tela 2015-06-01 às 22.32.40

O resultado, não podia ser outro.

No final temos a aproximação de um Caminhante Branco, que deixou claro a extensão de seu poder. A cena foi, no mínimo, didática. A Coroa de Gelo, não pode ser um detalhe qualquer. Guardem essa informação.

Captura de Tela 2015-06-01 às 02.13.00

Os corpos recém-mortos levantaram. O exército foi aumentado. Agora todos viram o efeito dos Caminhantes Brancos. E nós também.

O silêncio que toma conta da cena, é perfeito. Não há o que dizer. Só fugir. Fugir para bem longe.

O episódio mostrou que ainda há muito o que esperar da série da HBO. Havíamos esquecido dos Outros e da magia em Westeros. Porém, parece que ela está mais próxima do que se imagina.

Quem são os Caminhantes Brancos?

Captura de Tela 2015-06-01 às 13.07.31

A roupa (que parece ser feita de tapete de carro) leva a crer que são antigos homens da Patrulha da Noite. O Rei da Noite poderia ser o senhor deles?

A passagem abaixo é bem interessante. Fala sobre a história do Rei da Noite, contada pela Velha Ama, para Bran.

 As sombras que se reuniam lembraram a Bran outra das histórias da Velha Ama, a história do Rei da Noite. Tinha sido o décimo terceiro homem a liderar a Patrulha da Noitedizia ela; um guerreiro que não conhecia o medo.

Captura de Tela 2015-06-01 às 02.11.56

– E esse era o seu defeito – acrescentava —, pois todos os homens devem conhecer o medo. – Sua perdição havia sido uma mulher; uma mulher vislumbrada do topo da Muralha, com a pele branca como a lua e olhos que eram como estrelas azuis. Sem nada temer, ele perseguiu-a, pegou-a e amou-a, embora a pele dela fosse fria como gelo, e quando lhe entregou a sua semente, entregou também sua alma.

“Trouxe-a de volta para Fortenoite e proclamou-a rainha e a si o seu rei,.. IMG_5638e com estranhas feitiçarias prendeu os Irmãos Juramentados aos seus desígnios. Governaram durante treze anos, o Rei da Noite e sua rainha cadáver, até que por fim… Captura de Tela 2015-06-01 às 17.44.42o Stark de Winterfell e Joramun dos selvagens se aliaram para libertar a Patrulha da servidão.  Após a sua queda, quando se descobriu que… vlcsnap-2014-04-29-01h42m35s169-1024x576 o Rei da Noite tinha andado fazendo sacrifícios aos Outros, todos os registros que se referiam a ele foram destruídos e até seu nome foi proibido.

“Alguns dizem que era um Bolton – concluía sempre a Velha Ama. – Alguns falam de um Magnar de Skagos, outros dizem Umber, Flint ou Norrey. Alguns querem nos convencer de que era um Woodfoot, membro da família que governava a Ilha dos Ursos antes da chegada dos homens de ferro. Mas não era. Era um Stark, o irmão do homem que o derrubou. – Então dava sempre um beliscão no nariz de Bran, ele nunca esqueceria disso. – Era um Stark de Winterfell, e quem sabe? Talvez seu nome fosse Brandon. Talvez dormisse nesta mesma cama, neste mesmo quarto.” A Tormenta de Espadas, capitulo 56 – Bran IV

Viram? As informações contidas na história da Velha Ama devem ser levadas em consideração.

Foi um Stark e um líder dos Selvagens (Joramun) que se aliaram para derrotar o Rei da Noite! Será que não temos uma repetição aqui? Jon e Tormund?

Os Caminhantes Brancos seriam os Doze Primeiros Comandantes da Patrulha da Noite mais o Rei da Noite (13 Comandante)?

Ou como na história contada pela Velha Ama, seria o Rei da Noite e outros Irmãos Juramentados, atados aos seus desígnios por magia?

E por fim, diz a história que, o Rei da Noite fazia sacrifícios aos Outros… Será que não continua fazendo?

Coloquei entre a citação da história da Velha Ama imagens que publiquei com a resenha S04E04 – Oathkeeper.

Parece que a história dos Caminhantes Brancos começará a ser delineada.

Captura de Tela 2015-06-01 às 02.09.10E eles tem uma ligação forte com a Muralha e a Patrulha da Noite. Resta agora prestar atenção em cada detalhe que está por vir.

O episódio foi bom em todos os momentos. Tyrion e Daenerys trarão um fôlego novo para o núcleo dos dragões. O Norte está cada vez melhor. Não há o que dizer de negativo desse episódio. Ao menos eu não vi.

E vocês o que acharam de tudo isso?

87 comentários sobre “S05E08 – Hardhome

  1. Grande resenha, a comparação do Jon e do Tormund com seus “antecedentes” foi simplesmente fantástica. Parabéns pelo trabalho, agora apenas nos resta esperar pela conclusão dessa temporada e torcer para que a série mantenha a qualidade e ousadia desse episódio.

  2. Cara agora sim posso dormir tranquilo! rsrsrs Sua resenha é sempre tão sensacional! Parbéns!! Será que a informação dos caminhantes brancos ira chegar até o trono? Pq os Lannister não acreditam. Será q o Barathon vai chegar ao trono e ajudar a conter o avanço do caminhantes?? E o tio de Jonh será q ele é um dos líderes??

  3. Ótima resenha, como sempre! Acho que o walker da coroa é mesmo o rei da noite, mas quem seria a sua esposa e provável criadora? A rival de rhollor, sim, pq não na forma de mulher? Estou vendo as coisas muito diametralmente opostas. Até viajando se o oposto de valiria não seria a civilização dos caminhantes brancos e seus prováveis dragões de gelo. Tudo caminha para a apariçao destes, que tem tido diversas referencias no jogo da telltale. Acho que um dragão de gelo sozinho destrói raeggo e viserion fácil. Vamos ver o que vai rolar. 3 dragões de fogo sem rivais tornariam a missão de destruir wights bem mais fácil. Valeu ,excelente site e teorias

  4. Corrijam-me se eu estiver errado, mas a patrulha da noite e a muralha não foram criadas juntas e para o mesmo fim? Este objetivo seria proteger o ‘mundo dos homens’ dos terrores do norte, do que há ‘além da muralha’, não?
    Então, dizer que os caminhantes brancos são os 13 primeiros comandantes da patrulha da noite, não seria o mesmo que dizer que a muralha foi erguida antes da existência deles?

    1. Pensei exatamente a mesma coisa, não faz sentido os Outros serem ex-patrulheiros, pelo menos não os primeiros, eles já existiam e por eles existirem que a Muralha foi construída.

    2. Não isso e uma teoria de acordo com a aparição dele e daquele “conselho” q estava com ele, q logo vc já sacou aonde erra, eu acho q poderia ser cada um, um líder de cada forte/castelo q estava em funcionamento na muralha q foi tomado pelo transe da mulher Outro

  5. Lembrem que a Briennão está com uma espada de aço valiriano que antes era a Gelo, então não acredito que ela morra nessa temporada tentando salvar a Sansa, acredito que ela irá se tornar uma patrulheira da noite e acabará matando algum White walker

  6. Estou super eufórica ainda, acabei de assistir o episódio e sua resenha ficou incrível!

    Só senti falta de você citar o que Sam fala “não se preocupe, ele sempre volta” falando do Jon Snow. Eu tive que pausar porque fiquei em choque, realmente pareceu uma esperança caso Jon morra na série. Ou só eu que viajei? hahahah

    1. Olá, parabéns drunk voce não deixa passar nada, tenho uma dúvida é então ai vai: E as crianças que servem como sacrifico aos ww, já vimos que elas são transformadas, ficam com aqueles olhos azuis, ai te pergunto, elas são transformadas em caminhantes brancos? Aquelas crianças que são transformadas por eles? Não me refiro as crianças mortas , me refiro aos bebês

    2. Hahahahah foram tantos acontecimentos, uma correria insana para escrever o post, que esqueci três coisas: A fala do Sam, Ramsay falando do Festim dos Corvos, e Arya e o gato no canal.

      Ele sempre volta”Temos aqui nosso Azor Ahai

      1. Olá!
        Olha pode ser coisa da minha cabeça, por que eu adoro wargs e sinto falta de esplorarem mais isso nos outros Starks além do Bram,
        mas na hora que começa o alvoroço dos cachorros, o Jon foi o primeiro a olhar pra trás pra ver o que está acontecendo, só depois o Tormund reparou, será que essa percepção teria a ver com o sentido warg dele!?

        Drunk, adoro seu blog e os comentários dos seguidores também!
        Obrigada por esclarecer tanta coisa! Rs.

    1. Sim, desde antes da Noite, eles viviam em guerra com as crianças da floresta, que usavam suas armas de vidro de dragão, mas como os andalos usavam aço, ocorria algo como pedra papel e tesoura, aço ganhava da obsidiana, obsidianas ganhava do gelo dos Outros, e o gelo dos outros destrói o aço

  7. Épico! Simplesmente espetacular…
    Esse episódio, por enquanto, nos mostrou que um segmento alternativo pode ser bom, pra quem é fã vai ser uma oportunidade de ter dois finais de uma mesma narrativa. E, sinceramente, nem no Casamento Vermelho eu fiquei com o coração tão na mão.
    A HBO nos brinda com um episódio que pode disputar o posto de melhor episódio da série até o momento. Agora ficou explicada a pobreza de Dorne. Guardaram todo o orçamento para Durolar, tudo foi transferido pra lá da Muralha! Os caras da coreografia de luta desse episódio poderiam dar um pulinho em Dorne pra ensinar as Sand Snakes.
    Gostei muito do dialogo entre Dany e Tyrion foram pra me encher de orgulho, trocando farpas sempre e usando frases de efeito que me arrepiaram da cabeça aos pés. Arya como Gata dos Canais( e colocam na cena um gato preto passando por ela, detalhes que nem da pra passar batido),ótima observação! e claro da Cersei comendo o pão
    que a Irmã Silenciosa pisoteou rsrs, adoro essa parte, Lena merece um final épico, mesmo sendo uma morte, que seja memorável, tipo a do Oberyn… Gostei de ver a pressao de Sansa pra cima de Theon e ele confessando que não matou os garotos, quem sabe ela encarrega o proprio Theon de fazer as honras da casa e faz ele ir atras de Bran e Rickon no lugar de sor Davos, eu gostaria de ver isso! E a cena melhor do ano, pq adoro cenas de ação, eu ja tinha uma suspeita que seria uma batalha de selvagens contra selvagens, mas quando vi que os cães começaram a latir(nao fariam pra um povo que ja estavam habituados) – Fiquei de pé, e aposto que teve uma galera que fez como eu…rsrsr
    Cenas de ação, mas com White Walker junto é incomparável. Até que fim “eles” apareceram e claro com os lideres. Acho que esse episódio deixou bem claro que a última guerra será entre Jon representando o gelo e Daenerys e Drogon liderando
    o povo do sul. Aplausos, Jon matando o menino dentro de si, como Aemon recomendara. A selvagem(gostaria tanta que a citassem como Val),que lutou bravamente, conquistou em 5 minutos o que as serpentes de Dorne não conseguiram a série inteira! kkkkk ….Adorei e fiquei triste por sua morte!
    La no inicio, no 1º episodio, qdo apareceu a primeira criança ja sendo wight, é aquela guriazinha dos Outros? e Wun Wun literalmente quebrando tudo foi perfeito! Mas a melhor cena com certeza foi o Jon e o Rei da Noite se encarando…eu gostei da coroa de gelo dele(se mostra que é alguem importante), e a armadura com aquele “tipo brasao acima do peito” é bem estilosa. Este comandante dos W.W. humilhou e depois deu uma desafiada ” fazendo os mortos ressuscitarem”… Que issooo!, ficou meio implícito que é pra Jon.Vimos no olhar do Snow dor e pavor.
    Enfim, O inverno chegou, e agora?
    Alem da Garralonga mostrando o poder do aço valiriano, e a força que carrega consigo, quantos delas ainda tem no reino? Tirando a espada de Jon, me recordo que são a da Brienne(cumpridora das promessas) dada pelo Jaime, e do Tommen herdada de Joffrey(lamento da viuva) (ambas feitas da Gelo do Ned Stark derretida) e o punhal do Mindinho da 1ª temporada.
    “Eu me preocupo com o Jon há anos… Ele SEMPRE volta.” kkkkk…. Sam dando spoiler na nossa cara! Ohh Sam, malandrinho. Tá, e se ele voltar… volta como? Jon? Azor Ahai? White Walker? Fantasma? só vale se for pra renascer com fogo nos olhos e a lumifera nas mãos😀
    A semana vai passar rápido, tomara!
    E que venha Drogon na arena de Daznak!

    1. Lirah, adorei seu comentário! E sim há outras espadas de aço valiriano em Westeros, por exemplo a de Randyl Tarly!!!! Lembram dos atores que estão sendo escalados para próxima temporada?
      Será que Randyl vai entregar a espada ao filho mais velho?
      E outras casas antigas como os Arryn deve ter uma espada valiriana!!!
      Sim, estamos próximos da verdadeira batalha de Gelo e Fogo, a batalha da canção!!!!

    2. Lirah concordo com VC, quando o rei da noite encarou o Jon eu pensei, ferrou! Pra mim e Jon o príncipe prometido, pelo menos da serie, e o rei da noite marcou território porque viu isso nele.

    3. Tem a espada do Pai do Sam Veneno de Coração
      Tem a “Senhora desespero” da Casa Corbray
      Tem a “Amanhecer”da casa Dayne (mas não tenho certeza se é aço valiriano) pelo renome dela, pode muito bem ser a espada do Azor Ahai Luminífera, por que não?

  8. “Aposto que os Caminhantes Brancos são os Doze Primeiros Comandantes da Patrulha da Noite mais o Rei da Noite (13 Comandante).

    E por fim, diz a história que, o Rei da Noite fazia sacrifícios aos Outros… Será que não continua fazendo?”
    Desculpa, mas fiquei confusa nessa parte, os Os Outros e os Caminhantes Brancos, não são os mesmos tipos de pessoas/monstros? No caso eles faziam sacrificios pra eles mesmos??
    E só pra finalizar, quero dizer que adoro o seu blog!

    1. Bem, você tem de compreender que dividimos a história do Rei da Noite em 2 pontos:
      a) quando ele era um humano, 13º Lorde Comandante da Patrulha da Noite de Westeros. Foi nesta época em que ele se apaixonou por uma entidade feminina que pairava acima da muralha, casou-se com ela, declarou-se Rei da Noite, começou a fazer sacrifícios humanos aos Outros e enfeitiçou seus irmãos, na muralha;
      b) o Rei da Noite que nos é agora apresentado, agora sim personificado como o líder dos Outros (não se sabe ainda como ele deixou de ser humano pra virar um desses siths de gelo, na verdade nem se sabe se realmente o líder WW é o Rei da Noite, são especulações com base num roteiro de um capítulo da série).

      Espero ter ajudado

  9. Bem boa resenha, mas vamos lá. Lembremo-nos que os Outros existem desde de antes da chegada dos primeiros homens, se mostrando na Longa Noite onde eles perdem para os filhos da floresta e é criada a muralha, desde então pouco se ouviu falar neles e nos filhos (a não ser a velhas histórias, incluindo a do Rei da Noite) creio que exista uma liderança mais suprema que o líder mostrado na série e espero por isso, agora um ponto interessante ao qual eu notei da parte do Jon (que inclusive postei no facebook) é que o Caminhante Branco teve a oportunidade de matar o Jon facilmente assim como matou o Thenn, mas a medida que a cena se seguia eu comecei a perceber que ele tava testando o Jon (na hora que ele para o golpe com a Garralonga o Caminhante se surpreende por isso ter acontecido e muda o semblante para matar o Jon, mas já era tarde) e quando ele o mata é notável que o Night King estava observando aquilo tanto é que ele usa mais um contingente de wights, a principio achei que eles tivessem sentido o vidro de dragão, mas se você prestar atenção eles sentiram o poder do Jon (pra mim como Azor Ahai) e outra coisa vendo a quantidade de soldados a virar wights, seguindo os livros e indo pra série e me lembrei que apos a Longa noite os outros sumiram por oito mil anos, agora para pra pensar a quantidade de pessoas que não morreram ao norte da muralha durante esses oito mil anos selvagens, patrulheiros, gigantes (queria muito ver um wight gigante) creio que seja um exercito bastante grande e quando a hora chegar eles sairão das terras de sempre inverno e será iniciada a guerra pela vida!

    Abraço e continue o ótimo

  10. OS produtores do show já chamam o capeta de chifres de Rei da Noite (Night King), só da uma olhada nesse vídeo do Inside the Episode 8.

  11. Resenha muito esperada, concordo com tudo.
    Foi sensacional! Fiquei maravilhada com este episódio, até antes da batalha épica, eu já estava deslumbrada com o Tyrion e a Daenerys, momento que eu torci tanto para acontecer quando lia os livros, aconteceu na série. Arrepiei quando o “Theon” conta para Sansa dos irmãos, foi emocionante, ela ficou estupefata. A parte da Arya foi um presente. E a batalha, nossa, foi perfeita, o Jon lutou bravamente, e digo mais o olhar do Rei da noite para ele, depois que ele matou o caminhante branco, pra mim foi a confirmação da teoria do Jon ser o Azor Ahai, e no final, em um jeito de desafio, olhando para ele e reacordando os mortos, há, não tem pra ninguém. E o próximo episódio, que é um momento que eu espero desde o final da 1º temporada e do primeiro livro, só posso dizer que minhas expectativas quanto à série estão altíssimas.

  12. O WW com a coroa é o Rei da Noite. Esse fato foi comprovado pela HBO. No inside the episode os produtores citam o the Night’s King.

  13. Só não entendi a parte que o Rei da Noite fazia sacrifícios aos Outros. Se o cara com a coroa de gelo é o Rei da Noite, quem são os Outros, a quem ele direciona sacrificios?

  14. só pra constar, quem serve a cersei não é uma irmã silenciosa, é uma septã.

    irmãs silenciosas tem outro tipo de trabalho e nunca podem abrir a boca pra falar😉

  15. Sobre a história da Velha ama…
    Pareceu-me que o Rei da Noite era um Stark e quem o derrotou também era um Stark, irmão do Rei da Noite. É isso?

    Quanto a discussão sobre quem veio primeiro, os Outros ou os homens de preto…pela minha interpretação, os Outros existiam antes da Patrulha da Noite. O Rei do Norte foi o décimo terceiro comandante, ou seja, antes dele, existiram doze comandantes. Ele não foi o primeiro comandante, a primeira leva de homens de preto, como alguns sugeriram. Além disso, ele se transforma em WW quando se apaixona e casa com uma WW, logo os Caminhantes Brancos já existiam.

    São só interpretações, já que não li todos os livros e minha base foi o que li da resenha e o que acompanho no site do Drunk.

  16. Sem dúvida o melhor episodio de todas as temporadas. Começei a ler os livros depois do casamento vermelho na luz de saber do que vai ser da casa Stark e prontos acabei por me prender no mundo de GG Martin🙂
    Para quem leu os livros, Durolar ainda não chegou acontecer ainda, por isso isto tudo foi supresa para mim, e foi uma boa surpresa. Está mais que na hora de dar vida a um inimigo de 8000 anos xD
    O Rei Corvo e o Rei do Inverno tiveram a mesma ideia, procurar um exercito no mesmo momento para um poder subjugar o outro, só que Jon tentou da maneira mais nobre e honrosa e perdeu, viu um massacre que nunca antes o Norte viu e os efeitos advindos desse massacre, a maioria de seus ex-aliados pertencem ao Inverno, ao inimigo!
    Jon apercebe-se do numero atraves do silencio e de corpos a levantarem-se e vê que tudo o que disse na tenda é real e bem real.
    A patrulha da noite além de ter sido ignorada por milénios foi desprezada e reduzida como uma colonia penal de Westeros, quando o Inverno chegar os patrulheiros terão um ataque de cobardia e menos honra daqueles selvagens que morreram em Durolar. Isto prova mais o que eu disse, se a muralha cair Westeros está condenada e todos os mortos da guerra dos cinco reis surgirão num só exercito e talvez o sonho de Jon nas criptas e em Winterfell tenha realmente um significado.
    Quanto ao fogo dos dragões hummm não surtirão efeito nos caminhantes brancos mas só no seu exercito, deu para ver que WW dominam o fogo no Inverno, ou seja, diminuem o seu poder e so podem sacumbir se forem letalmente atingido por magias do fogo e aço.
    Quanto a Jon ser Azhor Ahai renascido, tivemos a prova no episodio. Ele é um Stark, nao de nome mas de sangue, so ele pode combater no gelo com fogo…

    1. Amigo, nos livros Durolar já aconteceu sim.. Só que não dá muitos detalhes, só fala que quando eles chegaram já estavam todos mortos, que havia sido um massacre.

  17. Drunk! A HBO confirmou que aquele líder dos WW é o Rei da Noite, conforme informação do “Por Dentro do Episódio” que já saiu!
    Uma dúvida, os Comandantes da Patrulha tem um prazo do governo ou ficam até morrer ou sair fora?
    Pergunto isso pois fiquei na dúvida, os 12 Lord Commanders eram vivos quando o Rei da Noite reinou?
    Se não, acho que os outros 12 são somente irmãos juramentados convertidos por ele, talvez os melhores “amigos”. E dois já morreram por SAM e JON.

    Como sabemos, JON vai ser furado pelo menino Olly, resta saber se ele irá morrer de verdade. Se irá morrer e voltar como Azor Ahai ou WW, ou se ele se manterá vivo mesmo ferido e irá voltar ainda mais forte, talvez reerguido pela melisandre.

    Achei SENSACIONAL sua resenha em relação a JON + TORMUND = STARK + JORAMUNT juntos.
    Agora lhe questiono: E se JON não for mesmo STARK? Serve mesmo assim? Será que Brandon não tem algo ainda a mostrar nessa parte?

    Tantas perguntas! hahahah Mas que bom que suas resenhas estão vindo rápido, e inclusive fomentando novamente as TEORIAS. Demais. O episódio renasceu a saga na TV e nos livros, e vai deixar todos sedentos pelos próximos episódios não da série, mas dos livros também.

    Aliás, Georgão lança livro esse ano ou início de 2016? Sexta temporada será que irá verificar outros arcos (bran e greyjoys, tarlly) somente do que já se tem ou também irá spoilar os livros OU irá criar sua própria história?

    Sensacional. Apenas.

    1. Acho que podem mesmo ser 12 irmãos juramentados. Na minha ideia, pensei que os outros Comandantes, mesmo mortos, poderiam ser Caminhantes Brancos, por magia. Porém, não faz muito sentido, pensando melhor.
      Mesmo assim, a série poderia “simplificar”dessa forma, para ficar mais fácil a assimilação.

      1. Concordo com Felipe, que podem ser apenas irmãos juramentados, pelo mesmo motivo: que os comandantes anteriores já estariam mortos.

        Mas fala ai Drunk, e quanto aos filhos do Craster que são transformados. Eles seria os outros sem os tapetes de carros? Rs

        Aliás, ótima resenha.

        1. Johnathan , eu acho que seria pra sabermos diferenciar a criação de um w.w e de um “wight .
          Wight = fantoche, recebe ordem e obedece(viram criaturas logo quando morrem, e foram confirmadas).
          w.w = pra se tornar um caminhante branco, creio eu que devem estar vivo, diferente dos wight. Pode até ter sido um sacrificio, uma oferenda para um ser superior, mais elevado que eles. Mas também acho que foi uma cena da HBO nos mostrando a diferença de ressurgimento entre eles, como isso acontece.
          Na minha opinião eh essa: acho que esses 13 caminhantes brancos, foram criados dessa forma, todos ainda em vida, uns capturados e outros no caso do 13º comandando indo por vontade própria! Aquele bebe perde 100% a essência humana, mas o poder e a magia que envolve os w.w, de fato tão grande que possibilitam deles crescerem normalmente!

          O que voce acha Drunk???

          1. Sim, mas como o Craster sempre mandava seus filhos homens pros W.W, eu acredito que existam mais do que 13 W.W e que não são os comandantes da patrulha.

            Tirando o Rei da Noite, que seria sim o lord commander stark da história.

            Att.

    2. “E se JON não for mesmo STARK?” Jon é um Stark, “you may not have my name, but you have my blood” Se ele não for filho do Ned, é da Lyanna. (tem gente que acha até que pode ser de Brandon, eu descarto esse). Agora, se ele for filho do Ned, ele não é Targaryen. Se for da Lyanna, óbviamente que é, também, filho de Raeghar.

  18. A questão que me faz confusão é Brandon, o que se espera realmente dele? O que fará? Qual é realmente o seu poder? Se Brandon, o construtor fez uma muralha de gelo, porque o fez??? E porquê de Gelo?🙂 Será que houve tréguas entre o rei da noite e Azor Ahai? Quais foram os sacrificios?
    Dá muito que pensar sem dúvida… Será que Fortenoite foi há muito tempo seu castelo, será que eram os WW que guardavam o norte? Se sim, porque rebelarem-se agora? Será que o Stark em Winterfell e o rei-para-lá-da-muralha aproveitaram o Verão para os expulsarem de lá? nao sei… Mas uma muralha de gelo erguida por anos e estaçoes dá muito que pensar

  19. Gostaria de saber o que você acha sobre os bebês transformados, porque um bebê de Craster, como bebê,não teria nenhuma utilidade aos ww, então se presume que eles crescem, mas se crescem ainda tem uma parcela de vida? Ou se não crescem o que é feito deles?

  20. minha teoria e a seguinte tem 2 tipos de ww.
    tem o tipo que jon e sam mataram que são os bebe convertidos que são usados para coletar os bebe e soldados.
    tem o outro tipo que são os lordes que transformam e levantam os mortos que tem as pontas na cabeça que devem ser 13 lordes e um deles e o rei o que apareceu.
    levando em consideração a historia da velha ama teorizo que a deusa deles seja a mulher ww que transformam os homens em lordes seria legal que fosse ate pelo juramento da muralha não possuir esposa e filhos. os outros 12 podem ser filhos deles também.
    tem as palavras da melisandre que existem 2 deuses homem e mulher. ela faz sombras como filho pq não poderia a rainha ww fazer os homens de gelo de filhos.
    drunk o que acho da teoria adorei sua resenha foi o melhor episódio da serie.

  21. Este texto diz bem tudo aquilo que achei desse épico episodio, porém só acha a morte da provável Harma muito forçada, desde sua aparição ficou muito implícito que seu fim ali seria trágico, ela ser a primeira a aceitar, despedir das filhas, ver crianças mortas, achei um pouco forçado, tirando que ela poderia ser a guerreira feminina que falta nos selvagens já que não mostram isso na série, nenhuma esposa de lança nem nada… mas enfim o texto ficou legal dms e o episódio maravilhoso.. pena que demoraram 8 domingos para chegarem a este nível nesta temporada.

  22. Na conversa entre sam e olly achei que eles incluíram um espoiler quando sam fala “não se preocupe ele sempre retorna “, esta frase me deixou ainda mais ansioso para o 6º livro e se a teoria de jom ser o azo ahai se confima. O episodio em si foi espetacular, obrigado por manter este espaço que enriquecer ainda mais o universo de GOT e outras historias tão interessantes.

  23. Drunk, nao sei se foi só eu,ou mais alguém reparou nesse W.W poderoso, como ele aparentemente é diferente dos demais, não me refiro somente a coroa
    em cima da cabeça ou dos poderes dele que já vimos na temporada passada, mas desde da primeira aparição de “um White Walker” na série, da pra notar
    que os demais são bem característicos com similiariedades entre si: meios calvos, mas percebem-se que ainda sim tem cabelos e longos(patrulheiros antigos
    ou não, foram humanos). Esse é superior, será que ele não provém da 1ª raça pré histórica de W.W contada pela Velha Ama? Pra mim, se ele não for o Rei da Noite, aposto que é o segundo em comando. Na minha humilde opinião como ainda temos 2 temporadas a caminho pela HBO, é muito cedo ela nos presenteia com o Verdadeiro Grande Deus”primata” da escuridao.
    Lá no dialogo que Jon teve com todos os selvagens reunidos e oferecendo vidro de dragao e aquele Thenn idiota não aceitando, é quando a serie aborda criaturas(“aranhas de gelo” tão grandes como cães de caça), que nem mesmo os próprios selvagens acreditam existirem, mas quando a “Selvagem” olha para o Thenn e diz: Não acredita nelas depois do que temos visto? Talvez nos leva a crer que a HBO vai
    aprofundar nessas criaturas, quem sabe até dragões de gelo(ah como seria interessante)na próxima temporada.
    Vale lembrar galera que: O Senhor da Noite(13º comandante – STARK) só se tornou poderoso quando “conheceu e aliou-se a mulher vagueante”. Como os W.W já existiam antes da patrulha da noite, antes mesmo da muralha, quem são eles realmente? acho que a mulher vagueante, foi senhora(rainha)muito poderosa e temível daquela época, existindo também senhores.
    Mas ela optou por escolher outro tipo de companheiro pra si, para ambos governarem juntos. Alguém diferente do que ela já conhecia(sua raça), e o comandante Stark caiu como peixe na sua rede, e junto consigo ela trouxe sobre ele ambição pelo poder e domínio sobre os homens.

    Se viajei galera sorry…. mas na boa ninguém ainda sabe na certa quem são os ww. Mesmo que esse poderoso caminhante seja o Senhor da Noite, não explica a origem deles.(Raça)!!!!

  24. Parabéns Drunk!!!
    Mais uma excelente resenha!!! E como sempre me abrindo os olhos para aquele pequenos detalhes que não fui capaz de perceber. Estou muito intrigado com esses “Outros”. POis na temporada passada fomos brindados com aquela cena do sacrifício onde se viu um “conselho” reunido, e quem seriam aqueles??? Seriam eles repostos também, tal qual os “zumbis” revividos??? Pois vimos o Sam matar um e agora vimos o Jon matar outro. E o da coroa que aparece no final, seria ele o Rei de todos os outros, ou spo um enviado de um ser maior??? É muita coisa para sermos apresentados ainda!!!
    Um grande abraço!!!
    E mais uma vez, Parabéns!!!!

  25. Ótima resenha. Suas teorias, observações, tudo é muito bem escrito. Você é tão detalhista, que há momentos que eu acho que você é psicólogo. Porque vc aborda estes aspectos muito bem. E eu gosto qdo vc coloca partes dos livros, porque eu não li, nem tenho tempo para isto, mas eu começo a entender melhor o ouniverso de westeros. Obrigada!

  26. Boa noite,
    Acompanho todas as resenhas e estou comentando pela primeira vez, pois me surgiu uma dúvida que eu não sei se ja foi esclarecida por aqui. Se a mulher que contratou a morte do mercador, pois ele não havia pago a ela o que devia, como ela pagou ao templo do Deus de muitas faces ? Pois lembro de comentários na série que nem a coroa poderia contratar pois era muito caro.

  27. Drunk,

    Posso estar viajando, mas se tiver tempo, dá uma olhada na cena em que wum wum olha pra cima da cabana. Eu pude JURAR que vi algo VOANDO… Repito; pode ser besteira minha mas acho que vi! Vou tentar colocar aqui o momento exato em minutos

  28. Ainda na esperança de ver os Outros de verdade, como nos livros. Criaturas belas com armaduras que parecem cristais de gelo (e não tapete de carro). Na minha humilde opinião os White Walkers retratados na série até agr eram pertencentes à patrulha da noite, o que explica a armadura preta, e são apenas uma subdivisão dos Outros, sendo o Night King o comandante dessa subdivisão. Ainda espero a série retratar os Outros de vdd, com suas armaduras de cristal e espadas de gelo, etc, em uma posição “superior” a esses.

  29. Olá Drunk, EXCELENTE resenha! Adorei o paralelo de Jon / Tormund com outro Stark / Joramun (selvagem)

    Tentando contribuir com algumas questões que aqui foram escritas e especulando um pouco mais.
    Por favor me corrijam, se estiver enganada.

    – Espadas Valirianas: são conhecidos os paradeiros de 4 (quatro) dessas espadas:
    Garralonga – da Casa Mormont. Está com Jon Snow.
    Gelo da Casa Stark. Foi transformada em duas: uma está com Brienne e a outra provavelmente com Tommen;
    Heartsbane – Está com Lorde Randyll Tarly (pai de Sam).

    Outras espadas com paradeiro desconhecido:
    http://wiki.gameofthronesbr.com/index.php/A%C3%A7o_Valiriano

    – Sobre os WW e o destino dos meninos (como os filhos de Craster) sacrificados como oferenda aos WW:

    Pela história original do “Rei da Noite”, um humano (talvez um Stark) foi transformado (por acasalamento) em um WW.
    Já li em algum lugar (não lembro a fonte) que os WW não podem procriar.
    Naquela cena final de “Oathkeeper”, vimos o chefe dos WW transformando o bebê em um deles.
    Muitos especulam que esses bebês são a continuidade deles.
    Se assim for, talvez os WW não tenham tanta longevidade e, aquele “rei” que vimos no episódio do domingo passado, pode não ser o antigo “Rei da Noite”.

    – Só para colocar uma ordem cronológica que talvez ajude:

    A lenda de Azor Ahai é da “Era dos Heróis”, está ligada às “Crianças da Floresta” e à Casa Stark, quando os “Outros” foram repelidos
    e empurrados para as “Terras do Sempre Inverno”, numa guerra chamada “Guerra da Aurora”.
    Nesta época foi construida a Muralha, por Brandon Stark (O Construtor), provavelmente com ajuda da magia das “Crianças da Floresta”.
    Essas criaturinhas mágicas já usavam os punhais de obsidiana e, durante cem anos, elas forneciam essas armas à Patrulha da Noite.

    Posteriormente, creio que, no mínimo, uns 100 anos depois, é que se passa a história do “Rei da Noite”, 13º Comandante da Patrulha da Noite.
    Novamente aqui temos o envolvimento da Casa Stark para destruir o “Rei da Noite”, com ajuda dos selvagens.

    Tudo isso se passou antes da chegada dos Targaryen à Westeros, vindos de Valiria.
    Portanto, não sabemos qual o poder dos dragões (de fogo) na luta contra os WW.

    Tem um video promocional, da HBO, contando a história do Rei da Noite:

    Esse vídeo é contado do ponto-de-vista dos selvagens.
    Achei interessante que um dos “chefes” selvagens, que lutou para derrubar o “Rei da Noite”, tinha barbas ruivas :))

  30. Salve Drunk!
    Esse foi de longe o melhor ep. da temp., um dos melhores de toda a série na minha opinião, não só o norte (melhor que alguns filmes que tem por ai), mas todo o resto também foi excelente.

    O salto que houve com Arya ficou muito bom, é claro que ela é Lanna já a algum tempo e está ficando melhor em “ser ninguém”, porém ainda tenta enganar Jaqen com pequenas mentiras (ele sempre sabe, por enquanto). Não havia prestado atenção no gato, tomara que realmente usem ele como deveriam.

    Sansa confrontando Theon foi diferente do que eu esperava, ficou melhor, ela o pressionando até o ponto dele contar sobre os irmão dela e deixar claro que quer protege-la foi inesperado, achei que ele fugiria preocupado com o que Ramsay pudesse ouvir. Theon ainda existe, ainda está vivo, mergulhado em medo e terror, tem medo de praticamente tudo, e ficou claro que o que ele mais teme é o próprio nome.

    Enfim alguém salvará Daenerys de sim mesma, é incrível como a participação de Tyrion consegue melhorar praticamente qualquer núcleo da série. Essa parte vai melhorar e muito a partir de agora, quero ver como ficarão as coisas caso a cidade fique nas mãos do anão.
    Aqui faço um mea culpa, quando a história chegou em Meereem achei que a atuação da Emilia Clarke ficou terrivelmente ruim, depois comecei a acreditar que o problema era a direção, mas agora me parece que tudo era proposital, só agora notei que o tempo todo Daenerys tentava parecer ter uma segurança que não sente que tem. Ela tenta impor sua condição de rainha, mas Tyrion mostra que na verdade ela não tem certeza de nada que faz.

    Cersei presa é uma das melhores coisas até agora, quando mostraram Margaery presa tivemos uma ideia do que esperava Cersei, porém Margaery pode ser orgulhosa, mas não é burra. Cersei também não é burra, mas chega a ser cega de tanto orgulho, sabemos onde isso vai dar.
    Caramba, como aquela septã dá medo!

    Jon Snow é Azor Ahai, nunca duvidei disso, o modo como a HBO mostrou toda a cena deixa isso claro. Será Jon quem vai liderar a luta contra os W.W..
    Quando aqueles quatro cavaleiros surgem no alto da colina eles querem apenas impor medo, então Jon chama por seus irmãos e parte para o ataque, isso chama a atenção do rei dos W.W., que quer ver como os “mortais” pretendem deter-los. Eis que surge o caminhante branco dentro da cabana em chamas (o fogo não o afeta), ele vai lá para testar aqueles que querem lutar contra eles,

    A série já havia mostrado que vidro de dragão poderia matar os W.W., agora ela mostra que aço valiriano também, algo que parece ser desconhecido também dos W.W., isso me faz pensar que talvez eles também não conheçam dragões (a grande noite foi antes da chegada de Aegon?) os W.W. não temem o fogo, mas fogo de dragão tem magia, assim como o aço valiriano.
    Vidro de dragão é um mineral (obsidiana), apesar do nome não precisa de dragões para ser feito, e sim de um vulcão. Lembrem que tem muito disso em Pedra do Dragão (acho que Stannis comenta isso na série, nos livros com certeza), e quem tem esse castelo como sua casa? Stannis e Daenerys.

    Ansioso pelo p. 9 e pela resenha.
    Drunk, vejo que o site está crescendo, tomara que cada vez mais.

  31. Drunk, como sempre ótima review! Tava aguardando ela aqui. O que falar desse episódio? Só sei que provavelmente o silêncio de Jon e sua turma diante do poder dos caminhantes brancos deve ter se estendido a todos que assistiam a série. O que foi aquilo? Que poder é esse? Realmente o inverno chegou. E adorei o paralelo criado entre a história do passado e a história atual, mas para mim o Rei da Noite é Coldhands (pena que ele não apareceu na série). Na minha cabeça, Coldhands se apaixonou por uma caminhante branco, e governou ao lado dela em Fortenoite, por isso ele conhece a passagem na muralha que existe lá. Só que esse “casamento” o transformou nesse meio termo. Ele não chega a ser um caminhante branco, mas também não é uma pessoa viva e daí eu cito essa passagem que tu escreveu: “embora a pele dela fosse fria como gelo, e quando lhe entregou a sua semente, entregou também sua alma.” Agora sobre os caminhantes branco atuais e quem eles são, eu pensei em duas possibilidades: 1. Eles são descendentes de Coldhands – aqui vai o fato de que eu não sei se caminhantes brancos podem ter filhos (mas essa frase da passagem acima “e quando lhe entregou a sua semente” sempre me intrigou), vai que caminhantes brancos + caminhantes brancos não possam ter filhos, por isso as oferendas, mas caminhantes brancos + homens dá em algo – por isso as vestimentas deles serem parecidas com as da Patrulha da Noite, que são parecidas com os de Condhands.
    2. (e esse 2 é REALMENTE bem louco) Se assim como Rhaegar “roubou” Lyanna e teve uma guerra liderada por Robert, prometido de Lyanna, como consequência, vai que quando Coldhands “roubou” a caminhante branco, ele não instaurou a mesma história sobre um possível prometido caminhante branco? E que nesse caso é esse da coroa de gelo na cabeça. Hahahahaha. Escrevendo essa teoria e lendo aqui até eu tô rindo da minha imaginação. Hahahahahaha. No final, tudo é culpa do amor.

  32. Aquela cena da temporada passada, lá do caminhante branco e a criança sendo transformada por ele. Cá pra nóis, eu acho que seria pra sabermos diferenciar a criação de um w.w e de um “wight .

    Wight = fantoche, recebe ordem e obedece(viram criaturas logo quando morrem, e foram confirmadas).
    w.w = pra se tornar um caminhante branco, creio eu que devem estar vivo, diferente dos wight. Pode até ter sido um sacrificio, uma oferenda para um ser superior, mais elevado que eles. Mas também acho que foi uma cena da HBO nos mostrando a diferença de ressurgimento entre eles, como isso acontece.
    Na minha opinião eh essa: acho que esses 13 caminhantes brancos, foram criados dessa forma, todos ainda em vida, uns capturados e outros no caso do 13º comandando indo por vontade própria! Aquele bebe perde 100% a essência humana, mas o poder e a magia que envolve os w.w, de fato tão grande que possibilitam deles crescerem normalmente!

    O que voce acha Drunk???

  33. Drunk por favor veja, veja e reveja… porque estou congelada até agora, perplexa!!!
    Sera que é possível vermos o Ice Dragon junto com os w.w la voando sobre as montanhas, lá em cima no topo da colina.(Mostra claro que é uma sombra voando entre as nuvens) Será que passou batido essa imagens aos nossos olhos? Revendo o episododio novamente, me congelei. PQP Vejam todos, e comentem pleaseeeee……. !!!! Ou sou a única que viu o dragão, e estou me empolgando demais. OMG.

    Se tiverem dragoes de gelo, venhammmm

    http://gfycat.com/UnawareFakeA

      1. Bem, nao me acredito que todos que ali estavam fora da fortaleza fossem dizimados assim tão rapido, aquele fumo branco bem podia ser algum dragão do gelo🙂

    1. ola lirah eu concordo com vc tem uma sombra mais escura voando batendo asas entre a nevasca que chega .ate faria sentido que fosse um dragão de gelo que criou aquela tempestade do nada.
      parabéns.
      agora fiquei ansioso.

    1. Okay que ainda é cedo de aparecer dragões, mas qual o sentido da hbo focar “uma simples” imagem da montanha e suas espessas nuvens em movimentos ligeiros”(tipo belo cenário), sem nexo. Sabemos que a HBO não trabalha dessa forma.
      Toda cena tem um proposito, e aquela também tem, ah si tem. Pode até ser apenas nuvens, mas alguns conseguem perceber uma tonalidade mais escura em movimento que lembram dragões, se a intenção da serie é de nos deixar com a pulga atrás da orelha,
      posso garantir a voces, que em mim surtiu efeito. Mas um ressalto: a imagem veio depois do Thenn se referir a criaturas magicas(se viesse antes, eu nem daria tanto enfase). E os caminhantes só estão ali para abrir caminho para os Outros, e eles trazendo possivelmente as criaturas tão falada no livro. Final da serie será realmente de um confronto real do dragão de gelo, enfrentando os 3 dragões da Dany.
      Estou em frenesi, milhões de teorias, e zilhoes de possibilidades. Hahaha!!!!

  34. Quase perco o fôlego com esse episódio! E olhe que, para mim, tudo estava meio “morno” nessa temporada. A sequência de Durolar foi realmente épica.

    Achei interessante o que você diz: “Acredito que no final da série, não teremos mais um Reino como conhecemos. Não haverá um Trono de Ferro. E sim vários reinos separados, como era antes de Aegon”. Me fez refletir… São tantos arcos, que eu não sei se ficaria satisfeita com apenas um reinando. Tenho a impressão de que ficaria infeliz com os desfechos de cada um.

    Achei a fala de Sam, algo como “Não se preocupe com o Jon, ele sempre volta”, uma das passagens mais massa desse episódio. Funciona como um alerta para os espectadores nos acontecimentos seguintes. Jon morre, mas volta, meus caros ;D

    Também acho a sua interpretação sobre Olly muito acertada. Agora é só esperar acontecer.

    Fico na ansiedade pelos próximos episódios, que talvez não sejam “tão eletrizantes”, mas trarão acontecimentos fatídicos.

  35. Curto GOT mas pra mim isso ta parecendo Maria do Bairro, fica na enrolação total sempre.

    Mas esse episódio eu senti firmeza.
    John Snow e sua luta contra o “Brancão” foi demais.

    Parte que achei massa foi ele chamando os cavaleiros da patrulha para entrarem na batalha contra os Outros.

    Muito boa a sua resenha, parabéns!

  36. A cena do caminhante branco dentro da cabana pegando fogo me deixou intrigada.Sei como eles são destruído, mas ali vi que o fogo e calor (me lembrei dos dragões da Dani) não podem atingi-los…

  37. Não gosto desse núcleo porém ficou claro que o Theon salvou a Sansa. Ela não tinha muita chance, mesmo com a Brienne de fugir do esposo. O Ramsay iria caçar e esfolar a Stark. Na perspectiva do Theon antes a nortenha morta que a Sansa, ele sabe o quanto o novo “Protetor de Winterfell” sabe destruir uma mente.

    E quanto ao Rei dos Caminhantes, ele olha para o Jon com reconhecimento, como se já identificasse mais que um líder da Guarda da Noite, um verdadeiro oponente.

    Por mais que aço valiriano seja resistente, no prólogo de Guerra dos Tronos não foi suficiente para manter um irmão juramentado vivo.

  38. Só os que morrem ao norte da muralha se tornam criaturas? Ou será que com o avanço do inverno qualquer um que morrer na “neve” terá este destino, inclusive os que morrerem na batalha StanisXBolton?

Obrigado!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s