Captura de Tela 2015-04-20 às 17.04.15

S05E02 – The House of Black and White

Finalmente consegui dar prioridade ao blog nessa semana e a resenha do episódio The House of Black and White saiu bem mais rápida.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.31.12

Acredito que os pedidos de vocês, a empolgação e a necessidade de falar sobre este episódio ajudou a acelerar o processo.

Diferente da resenha anterior, gostaria de antes, fazer algumas considerações e apontamentos que acredito serem importantes… Pois este episódio veio para mostrar que a série seguirá um caminho digamos… diferente… e interessante.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.29.00

O episódio divisor de águas e o porquê das alterações poderem ser vistas como algo bom.

Até a 3ª temporada nós vimos a HBO mudando pequenos acontecimentos na trama. Um pequeno fato aqui, outro personagem ali.

Naquela época a série não se distanciava dos livros. Apenas inseria ou omitia um ou outro detalhe para um melhor desenvolvimento da trama nas telas.

Mesclar Orell e Varamyr em um personagem é um exemplo do que estou dizendo.

Depois disso, na 4ª temporada, alterações importantes nos foram apresentadas. Tivemos Vargo “Bode” Hoat, indo para a Muralha procurar Bran e Rickon.

Também tivemos Bran na Fortaleza de Craster avistando Jon (ainda que não tenha rolado uma interação).

Tivemos o corte da Coração de Pedra…

Tivemos ainda a morte de Jojen. E isso porque só estou falando das alterações mais impactantes.

Mesmo assim, sempre acreditei que essas mudanças não eram tão significativas e serviam para amarrar a trama e nos ofertar uma narrativa mais fluída e mais impactante do que nos livros. Lembrando ainda que temos apenas espectadores que nunca leram os livros, então eliminar alguns (dos vários) núcleos e subtramas dos livros, era necessário.

Se formos lembrar dos livros, Bran e seus companheiros passaram A Tormenta de Espadas inteira caminhando em busca do Corvo de Três Olhos. Criar alguns obstáculos no meio do caminho deles, foi uma decisão acertada.

Porém, daqui para frente veremos alterações drásticas na trama. Muito drásticas.

Esse episódio passa uma mensagem para os espectadores.

Martin não terminará os livros até o final da série da HBO.

E por isso, entramos em um dilema. A série precisa acontecer anualmente. Disso não temos dúvidas (atores, dinheiro investido, contratos, dinheiro, cronograma e dinheiro).

Os produtores já sabem o final da trama “em linhas gerais”, segundo o próprio Martin.

Então o que fazer?

Captura de Tela 2015-04-20 às 17.01.41

Ser fiel aos livros?

Se a série for extremamente fiel aos livros, eles enfrentariam um problema.

Teríamos uma parcela muito grande de leitores abandonando a série para não ser vítima de spoilers.

Então acredito que a escolha da HBO para resolver esse dilema, foi esta que eles nos apresentaram no último domingo.

Contar uma versão diferente da história de As Crôncias de Gelo e Fogo.

E porque isso seria uma melhor saída?

Captura de Tela 2015-04-20 às 16.48.05

A partir da 5ª temporada, mudando elementos do livro que já conhecemos, lá na frente, quando a série ultrapassar os livros, não saberemos se os acontecimentos mostrados são spoilers ou são alterações da versão de Martin.

Concordam que não dará mais para saber o que será spoiler e o que será mudança?

Sinceramente não gostaria de ver uma série extremamente fiel ao livros e depois tivesse que abandonar, pois não ia querer saber o final antes de ler os livros.

Gostaria de acompanhar a série enquanto espero os livros. E foi por isso que ao terminar de ver esse episódio, decidi que talvez não seja a melhor decisão que a HBO tomou, mas a menos prejudicial.

Tem outro motivo que me fez gostar da mudança… Sabe por quê?

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.50.01

Eu me surpreendi sem parar com esse episódio. Me surpreendi demais!

O medo continua, mesmo para os leitores

É engraçado pois já li o livro, já conheço a história, já reli várias passagens para escrever teorias.

Então, quando vou assistir a série acredito que só terei a constatação visual daquilo que já conheço.

Entretanto fui surpreendido pela HBO. E vibrei com esse episódio.

Os acontecimentos na Casa de Preto e Branco e o futuro de Sansa, foram demais! Agora eu tenho medo. Medo do que pode acontecer! Por que simplesmente eu não sei mais o que pode acontecer, com tanta alteração.

Não dá mais para saber o que vai acontecer. É uma experiência diferente. É  ficar tenso por não conseguir prever o desdobramento do próximo episódio e o desfecho da trama.

A partir desse episódio a sensação é:

Você não sabe nada, Jon Snow.

Essa é uma outra história com elementos que já conhecemos. Nos resta agora imaginar o que vai ser constatado nos livros e o que não.

Já pensou a série nos presenteia com um Rei no Trono de Ferro, diferente do Rei dos livros?

Captura de Tela 2015-04-16 às 11.07.07

Se conseguirem contar de forma crível, e justificarem a alteração… Eu aceitaria.

Acredito que uma atitude dessa seria apoiada até pelo próprio Martin. A obra televisiva não compete com a obra literária. Uma mídia não exclue a outra.

Várias possibilidades

Se existem 3 personagens possíveis para ser Azor Ahai, mas nos livros apenas um toma para si a obrigação de ser o Antigo Heroi… Não seria interessante ver a série mostrando outro Azor? (claro…se os dois cumprissem os requisitos da profecia).

Confesso que pensando dessa forma, me abriu na cabeça uma série de possibilidades…

E eu gosto de pensar que posso temer novamente pela morte do meus personagens favoritos…

Bom.. essa é só a minha opinão e a explicação do porque continuarei acompanhando a serie, e a partir de agora com mais vontade ainda.

S05E02 – The House of Black and White

O que eu esperava do episódio?

Dá vontade de chorar de alegria só de ler o nome desse episódio! Arya iniciando seu treinamento na Casa do Branco e Preto.

Ela aprenderá a ser Ninguém!

Claro que nesse capítulo veremos muito mais coisas, mas o título se refere específica a garota Stark.

Espero que nesse episódio, possamos ver uma outra Stark… Mindinho e Sansa será o núcleo que mais quero ver. A transformação das meninas Stark terá um peso grande nessa temporada. Acredito muito nisso!

Essa foi minha previsão… e parece que eu acertei, e minhas preces foram ouvidas.

Fiquei duplamente feliz. Por ter acertado e por ser um episódio de Arya e Sansa.

Nesse episódio dá para ver que o futuro das meninas Stark provavelmente será diferente de tudo o que imaginamos.

O que o episódio nos trouxe?

Logo no início vemos Arya em um barco entrando em Bravos. A declaração dela “eu não estou com medo” provavelmente é o mote do episódio.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.29.34

O medo sendo deixado para trás, por todos os personagens.

Somos levados para dentro de Bravos e percebemos que é praticamente uma Veneza Martiniana. Os comerciantes, o clima marítimo, e os canais…. Muitos canais!

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.30.54

Essa cena que mostra Arya em segundo plano, e em primeiro plano um canal. Foi simplesmente foda!

Mesmo sendo uma passagem rápida, dá pra sentir o clima da cidade do outro lado do Mar Estreito.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.31.19

O tamanho da Casa de Preto e Branco é assustador. O momento em que Arya bate na porta é um momento em que você prende a respiração…

Eis que o Homem Gentil atende a porta.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.31.54

Diferente da Maggy a Rã, que não me convenceu, a escolha do ator para interpretar O Homem Gentil acertou em cheio.

Depois vemos a noite cair em Bravos e Arya recitando sua prece de morte. Uma lista bem menor.

Fiquei imaginando como seria a morte de Meryn Trant, uma vez que ele está ao lado de Cersei agora. Como vimos no início da primeira temporada.

Captura de Tela 2015-04-20 às 17.04.15

Agora todas as pessoas juradas de morte por Arya estão ao redor de Cersei. Isso me faz pensar o que podemos esperar.

Depois disso vamos para Westeros e em algum lugar, entre Winterfell e o Vale Arryn, vemos Brienne e Pod em uma taverna. Na mesma taverna em que estão Mindinho e Sansa.

Quando vi as duas duplas tão próximas assim não pude deixar de ficar tenso, mas acreditei que eles se desencontrariam, como foi o caso de Jon e Bran na fortaleza de Craster.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.33.17Dessa vez eu estava errado…

E é aqui que a série deixa claro que os desdobramentos serão diferentes daquele que vimos nos livros.

Mindinho permitindo a aproximação de Brienne é uma demonstração de poder! Ele tem tanto controle (ou acha que tem) sobre a situação, que nada o asssusta.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.35.10

Olha a diferença de tamanho. Ele ter levantado para conversar, com certeza foi proposital! A Brienne pode ter o tamanho que quiser… Mas é Mindinho o gigante da cena.

Ele, apontando as falhas de Brienne, faz qualquer um pensar… Por que ir com Brienne?

A busca de Brienne, a sua luta pela honra… é vazia. Cat morreu. Como ela poderia proteger Sansa? É isso que eu penso.

Gostei de terem feito esse embate entre eles, pois colocou um pouco mais de ação no núcleo Brienne e Pod.

Acompanha-los vagando por toda Westeros, sem rumo, seria um desperdício. Muitos não gostaram dos POVs dela em O Festim dos Corvos. Imaginem isso na série.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.36.33

Gostei do modo como  aço valiriano se comportou em batalha. Destruindo aço comum com facilidade.

Agora estamos em Porto Real. Cersei e Jaime novamente em um diálogo tenso, e dessa vez envolvendo a vida de Myrcella.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.37.13

A estética do “recado” de Dorne foi muito bem pensado. A cobra com o colar de Myrcella nas mandíbulas.

Jaime deixa claro seu caminho. Jaime vai para Dorne. Qual a real motivação?

Salvar sua filha?

Se redimir com a irmã/amante?

Deixar os ares de Porto Real?

Eu tenho que admitir que Jaime indo para Dorne salvar Myrcella é muito mais impactante do que Jaime indo para o Norte, atrás de Peixe Negro, e resolvendo disputas de terra entre os Blackwood e os Bracken.

É um modo de trazer Dorne para o centro da trama. Na verdade é um modo de levar o espectador até Dorne na companhia de uma dupla que com certeza trará bons momentos. Bronn e Jaime rumo a Dorne. Cenas de luta, piadas e sarcasmo. É isso que espero dos dois.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.38.20

Reparem que os Bracken são citados, na carta que Jaime entrega para Bronn. Uma referência sobre o lugar onde Jaime deveria estar e não está.

Enfim, Dorne!

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.38.59

Desde os detalhes das vestimentas, até os majestosos cenários, a HBO se preocupou com tudo. O estilo arquitetônico é muito parecido com estilo árabe. Gostei da escolha.

Espero ver mais cenas em Dorne, pois foi pouco tempo para conseguirmos absorver todo o estilo dos Dorneses.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.39.36

Eis quem eu esperava ver… Desde que li O Festim dos Corvos.

Areo Hotah.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.40.42

Como eu queria ver esse cara!  Só imaginava um machado diferente, mas esse tem tudo a ver com o ambiente dornês. Até mesmo oa to de passar o dedo na lâmina da arma. Tudo está ali.

Doran Martell teve pouco tempo de tela, mas minha impressão sobre ele foi positiva.

Ellaria comandará as Serpentes de Areia, contra a vontade de Doran. Então provavelmente no próximo episódio veremos as Serpentes de Areia.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.39.27

Myrcella aparece só de longe, mas dá para perceber que a atriz foi mudada.

De volta a Meereen, Acompanhamos Daario e os Imaculados investigando casas a procura de Filhos da Harpia.

Imaculados não sentem medo. Não sentem dor. Mas não percebem algumas sutilezas do mundo.

Captura de Tela 2015-04-20 às 17.15.47

Uma das únicas cenas de Daario que foi interessante até agora. Não sei foi porque o personagem mudou, ou se é porque o personagem tem falta de carisma, mas somente essa cena me pareceu legal.

O Conselho de Daenerys é composto por um representante dos ex-escravos, um representante das famílias abastadas de Meereen, Missandei, Daario e Sor Barristan.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.42.48

Sor Barristan falando sobre O Rei Louco, e explicando a atitude errada dele. Sempre é interessante quando sabemos um pouco mais do passado de Game of Thrones. Sor Barristan é um dos poucos caras que podem nos dar informações como esta.

Daenerys chega à conclusão de que haverá julgamentos justos em Meereen.

Agora vamos para Pentos, onde Varys e Tyrion seguem viagem.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.44.04

“A melhor parte dela pela minha melhor parte” Tyrion sempre com as melhores frases.

Tyrion falando sobre o gosto que tinha pelo poder e Varys falando sobre a necessidade de pessoas como eles em não ficar dentro de uma “caixa”.

Tyrion beberá a viagem toda, e Varys nos dará pequenos “fragmentos” de seus planos. Então teremos cenas interessantes…

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.44.08

Caçadores começam a trazer cabeças de anões. O interesse do meistre Qyburn pela cabeça me faz pensa no tipo de frankenstein que ele está criando. Robert, o Forte logo logo estará em pé.

Qyburn como novo Mestre dos Sussurros. Mace Tyrell como Mestre dos Navios e Mestre da Moeda.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.47.05

Parece que Cersei aprendeu um pouco sobre como agir. Ela só não contava com Kevan Lannister e sua postura diante de tudo.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.46.56

Gostei da interpretação de Ian Gelder. Agindo como um verdadeiro irmão de Tywin Lannister. Nesse momento me dei conta de que não teremos mais Charles Dance interpretando um dos homens que eu gostaria de ver no Trono de Ferro. Tywin Lannister.

Detalhe para o leão lannister ao fundo, entre Tio e Sobrinha.

Agora vamos para a Muralha e vemos Goiva, Sam e Shireen. O que achei interessante foi a conversa sobre a escamagris.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.47.33

Parece que a escamagris de Shireen foi controlada. Pois Goiva diz que duas de suas irmãs já tiveram. E depois de estarem cobertas pela doença, passaram a agir como animais.

Se Goiva citou isso, tenho certeza de que veremos Tyrion enfrentando os Homens de Cinza, quando passar pelas ruínas nas Mágoas.

Jon e Stannis discutem sobre as atitudes de Jon. Falam sobre Lyanna Mormont e a posição deles sobre seguir apenas o Rei do Norte. Apenas seguirão um Stark.

Captura de Tela 2015-04-20 às 17.25.32

Aqui há mais uma alteração. A série deixa claro que os Nortenhos seguirão um Stark. E qual será?

Acho que já faço ideia…mas vamos ver um pouco mais a frente.

Vamos para a votação do Senhor Comandante da Muralha e Jon é o novo Senhor Comandante. O último voto, de meistre Aemon, foi emocionante.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.49.12 Entretanto a melhor cena do episódio foi a de Sam explicando para todos onde Janos Slynt estava, na batalha contra os Selvagens.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.49.34

Pombinha… Um dos nomes de Arya…

Essa cena dela matando a “pombinha” me faz pensar que é um modo indireto e bem poético de dizer que ela está se desfazendo de seus antigos nomes.

Essa é a caminhada dela para ser Ninguém.

Depois disso vamos para a melhor cena, a cena que me tirou da cadeira!

O Homem Gentil aparece novamente.

Captura de Tela 2015-04-20 às 17.30.55E é agora… exatamente aqui…

Captura de Tela 2015-04-20 às 17.32.26

que eu vibrei de alegria!!!

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.50.07

JAQEN “FUCKING” H’GHAR!!!!!!! AAAAAAAAAAAHHHH!!!!

Muito foda essa revelação!  Eu duvido que alguém estava esperando algo assim!

Diferente dos livros, mas ali está ele.

Se Jaqen está com Arya, ele não irá atrás de Daenerys como nos livros. Então mais uma alteração, o que me leva a pensar o que vai acontecer agora? Será que Arya cumprirá alguma missão para Jaqen?  São muitas expectativas.

Eu fui surpreendido totalmente. Não esperava por isso, e como disse lá no início… Esses momentos surpreendentes são perfeitos.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.50.26

Depois de um momento desses vamos para Meereen… ver Daenerys lidando com os problemas civis da cidade.

Um Filho da Harpia morto por um de seus conselheiros.

Nem falarei sobre a interpretação dela, por que vou ficar repetitivo. Emilia Clarke parece querer deixar a série, só pode.

Milhares de escravos pedindo misericórdia… Os mesmos escravos que ela libertou. Agora, publicamente ela ordena decepar a cabeça de um deles, por ter matado um inimigo do povo.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.52.05

Justiça? Talvez. Mas uma postura extremamente burra, diante da situação em que se encontra.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.52.48

Os silvos dos escravos foi impactante. O núcleo Meereen acaba com Danerys fugindo de seu próprio “povo”. A Mãe de Escravos, precisa logo voltar a ser a Mãe de Dragões.

Captura de Tela 2015-04-20 às 13.53.41

Talvez essa reviravolta, esses escravos com raiva dela, seja um impulso que faltava para ela voltar os olhares para Westeros, uma vez que não teremos Victarion Greyjoy, buscando-a.

É quase no final do episódio, com Daenerys sozinha em sua sacada, ele surge.

Captura de Tela 2015-04-20 às 16.47.20

Gigante! Majestoso!  Um dragão digno de filmes de alto orçamento! PQP! Drogon do modo como ninguém nunca viu!!! O dragão roubou a cena…

Captura de Tela 2015-04-20 às 17.40.45

Se depender de Drogon, a cena da Arena será simplesmente fantástica. É esperar para ver.

Conclusão

Esse capítulo foi parecido com o primeiro. Apresentou mais alguns núcleos, situ os espectadores, e deu a direção que a série seguirá a partir de agora.

Um caminho diferente dos livros, igualmente instigante, na minha opinião.

Eu aconselho que curtam o caminho novo… pois de qualquer forma, todos os elementos que todos nós tanto gostamos estão ali.

Só serão abordados de uma outra forma… E quem sabe, de uma forma tão surpreendente quanto os livros?

Esse episódio me fez relembrar a teoria que fiz sobre

O que esperar de Os Ventos do Inverno – Arya

O que esperar de Os Ventos do Inverno – Petyr Baelish – Mindinho

32 comentários sobre “S05E02 – The House of Black and White

  1. Ótima review. Aliás parabéns sempre pelo conteúdo do site e suas teorias fantásticas.

    Uma dúvida : não vai ter victarion na série? A HBO falou isso?

  2. Mais um excelente episódio. Se eu posso resumir algo que senti muita falta, foi aquela fala no livro onde o barqueiro faz Arya se lembrar de seu nome. Mostrando assim o medo /respeito por aqueles da casa do Preto e Branco.
    E como você disse : Pede para sair Emilia!!!

  3. Eu tinha ficado meio assim com esse segundo episódio e tantas mudanças em relação ao livro. Mas depois de ler seu post, acho que você tem razão. A série e o livro iam acabar “brigando” por conta dos spoilers e realmente não faz sentido nenhum ter episódios fiéis ao livro sendo que os próximos livros nem existem (e reza a lenda de que os produtores já estão trabalhando nos roteiros da 6ª temporada).
    Também fiquei em choque quando o Tobias Sammet apareceu… hahaha! Eu sei que não tem nada a ver, mas eu sempre associo o Jaqen ao Tobias (ele tem muita cara de vocalista de banda de metal melódico, não tem? hahahaha).
    Agora é segurar a ansiedade até os próximos episódios.

  4. Não curti a caracterizaçao de Dorne, quando eu lembro do vídeo que mostra os caras filmando ali eu lembro que ali atras tem uma rua passando um monte de carros e perde o charme kkk. E outra, a Elaria tem moral pra chegar falando desse jeito com o Doran Martell?. E quanto a Emilia fucking Clarke, pqp, devia ter sido a outra atriz lá mesmo, que fez o primeiro piloto, ela tem uma cara de mais nova e com certeza atuaria melhor que a robotica Emilia ( coisa que não é muito difícil) .

  5. Excelente review, como sempre! Espero que continue seu trabalho e nos brinde com comentários detalhados assim sobre os próximos episódios.

  6. Nossa q review maravilhosa!! Vc conseguiu colocar em palavras tudo q eu estava pensando.

    Depois de ler sua review resolvi q vou me desapegar dos livros e começar a ver a série independente mesmo. É a melhor coisa pra poder curtir essa super produção da HBO da melhor maneira possível.

  7. Gostei do episódio, nesta altura em que a série se encontra com os livros precisa adaptar e criar. E o fato de agora ser surpreendida é legal. Para mim mais do que ser fidelíssima a história do livro, a série tem que ser fiel as adaptações e aos cortes que criou desde o começo. Série é série, livro é livro. Ambos podem nos surpreender.

  8. Meistre Aemon e Jaqen H’ghar, seus lindos!❤
    Já estava achando bacana terem levado Jaime pra Dorne, e ver Bronn com ele foi a cereja do bolo. (Também gostei de Lollys ter sua participação em cena)
    Vi muita gente reclamando de Doran Martell, mas sempre coloquei fé nele. Sei que dói aguentar desaforo calado, mas ele é o primeiro representante que pensa no bem estar do país acima de disputas pessoais. Acho um homem muito sensato. E gostei do ator, só imaginava que ele estaria mais decadente pela doença…Algo como o príncipe do filme Cruzadas. Agora é torcer pra esse núcleo das Serpentes + Ellaria (que é muito diva, segura esse forninho) seja tratado com dignidade pela HBO. Tô com um pé atrás…

  9. Mais um excelente post, parabéns Drunk.

    Acho ótimo a série começar a se distanciar dos livros, sempre gostei quando algum acontecimento foi levemente mudado (a briga na taberna com o Cão e a Arya é um bom exemplo), porém a HBO sabe quando compensa ser fiel (a morte de Oberyn), ainda tenho fé que seguirão bem. Não dá pra esquecer que os produtores sabem de modo geral como tudo acaba, então por mais que mudem o caminho, tem que chegar ao mesmo fim que o Martin ou ele concordando que mudem o final.

    Ficou incrível a Casa do Branco e Preto, um prédio imponente e assustador que ao mesmo tempo desperta uma imensa curiosidade, você tem medo dele mas quer saber o que tem dentro. Arya matando a pomba foi muito bom, mostrou que ela tem habilidade (não é tão fácil fazer aquilo por mais simples que pareça, cortar cabeças com um único e limpo golpe, lembrem de Theon em Winterfell).

    Mindinho mostrando poder. Sansa mais esperta e atenta, mesmo parecendo ainda inofensiva. A cara da Brienne quando percebe que perdeu mais uma Stark, e que se ficar perde a cabeça, foi ótima, podemos esperar algo interessante desse núcleo com Brienne “perseguindo” Sansa.

    Jaime e Bronn farão uma ótima dupla, quanto tempo o ouro dos Lannister pode segurar o mercenário?

    Dorne ficou muito legal, lembra mesmo a arquitetura árabe, mas não o que muitos esperavam (sou um deles) e sim com uma pitadinha européia (a Espanha foi ótima escolha). Espero muito de Doran Martell, o ator é bom e o personagem é diferente, ele planeja suas ações muito bem e sabe como pode agir (lembra um pouco Tywin). Quando ele diz para Ellaria “Ele era meu irmão muito antes de ser qualquer coisa sua” mostrou que vai agir, mas não sem planejar.

    Na muralha Jon sofrerá pressões de todos os lados, quero ver como Stannis irá tentar convence-lo. As mudanças no núcleo de Sansa com certeza terão influencia nas mudanças que podem ocorrer na muralha.

    Por mais incrível que possa parecer, devo defender um pouco a Emilia Clarke, ela foi ruim como sempre em quase todas as cenas, quase… na execução do ex-escravo acho que ela foi bem, entendo que Daenerys estava fazendo algo que não queria mas não podia demonstrar, a atuação robótica dela serviu bem para aquela cena específica. Porém no fim quando apareceu o Drogon e como disse “roubou a cena”, ficou claro que um dragão (incrivelmente bem feito até para alguns filmes) atua melhor que a pobre Emilia Clarke – acredito que os diretores também tem muita culpa nessa história, no inicio da série ela era muito melhor, não deve ter esquecido.

  10. Quanto ao Jaqen, ainda espero que seja apenas o Homem Gentil mostrando pra Arya o que é capaz de fazer. Haja vista que ele viu a moeda, poderia saber quem a seu pra Arya. Enfim. o que você acha dessa possibilidade?

    Ainda não vi os episódios 3 e 4, não sei se essa dúvida será respondida já neles…

  11. Até agora a série me surpreendeu.Segundo uma entrevista do próprio George,3 ou 4 personagens que não morrem no livro,morrerão na série deixando fãs de queixo caído. Perguntado por que desse mudança,George com muito humor responde:”o pessoal da HBO gosta mais de sangue do que eu”.Vocês apostam em quem para ser a surpresa que irão morrer?

  12. Não sei se o blogueiro está à par, mas “dormir na caixa” é uma expressão usada para indicar gays. E “pensar fora da caixa” é um termo usado no jargão do mundo empresarial para inovações.
    O diálogo foi estabelecido entre um emasculado e um anão, claramente mais um enxerto dos redatores na obra de Martin com o propósito de fazer ativismo.
    Há quem adore. Eu não me oporia, se estivesse melhor inserido e ambientado.Nos livros, os personagens que Martin usa para isso são outros, e as questões estão melhor amarradas com a época.

  13. Belo post Drunk!

    Sabe uma coisa que ainda me intriga, e que não me lembro de ter visto você abordar em outras teorias, é justamente sobre a escamagris de Shireen.

    Como você mesmo já disse algumas vezes, em se tratando de Martin, nenhuma informação é perdida, e não acho que a escamagris está na história atoa (apesar da importância do episódio do Tyrion no rio…)

    Eu particularmente acho que tem algum mistério na escamagris de Shireen, a doença é citada várias vezes durante o livro, a forma “milagrosa” que ela foi curada, e também muito me chamou a atenção o medo que a Val (filha do Mance, não sei escrevi o nome certo) teve ao ver a Shireen, e a forma como Val dizia ela era “o mal”…

    Fico pensando se não há alguma relação com os caminhantes brancos ou com o deus deles… Em fim… Só uma suposição, nada teorizada.

  14. Galera, fico aberto à críticas.

    Entendo, e não discordo de vocês, ao criticarem a Emília. Porém, me veio o seguinte pensamento:
    Dos livros, uma das personagens mais importantes, sem dúvida é a daenerys. Mas ao mesmo tempo, em minha singela opinião, é também uma das mais chatas.
    Manipulável, impulsiva, infantil, etc. Diversos são os atributos que podem ser atribuídos à daenerys dos livros.
    Então, se olharmos sob este ponto se vista, o fato da Emilia ser supostamente “robótica”, “sem expressão” e tudo o mais, não quer dizer que ela não esteja fazendo uma boa daenerys.

  15. Boa tarde!

    Como li os livros já faz uns anos, não lembro que Jaqen H’ghar vai atrás de Daenerys, isso é realmente algo explicito no livro ou é alguma dedução sua? teria como me relembrar?

    1. Eae Charles, tudo bem?
      Na verdade não é uma dedução, mas também não fica explícito.
      Vamos la:
      Quando Jaqen se despede de Arya, ele se transforma em outro cara. Se lembra?

      “Meu tempo chegou ao fim – Jaqen passou uma mão sobre o rosto, da testa ao queixo, e por onde a mão passou ele mudou. As maçãs do rosto tornaram-se mais cheias, os olhos mais apertados; o nariz entortou-se, uma cicatriz surgiu na bochecha direita onde não havia nenhuma antes. E quando sacudiu a cabeça, seu longo cabelo liso, meio vermelho e meio branco, dissolveu-se para revelar um gorro de apertados caracóis negros.”

      Depois disso, vemos um personagem estranho no prólogo do Festim dos Corvos.

      — Como quiser. — O alquimista baixou o capuz.

      Era apenas um homem, e o seu rosto era apenas um rosto. Um rosto de jovem, comum, com faces cheias e a sombra de uma barba. Uma tênue cicatriz entrevia-se na bochecha direita. Tinha um nariz adunco, e uma densa cabeleira preta que se encaracolava, bem apertada, em volta das orelhas. Não era um rosto que Pate reconhecesse. O Festim dos Corvos – Capítulo I, Prólogo.

      Percebe que ambos tem a mesma descrição física? Depois disso, Pate (o garoto da cidadela) cai e perde a consciência. E no final… vemos que Pate está vivo. Junto com Sam, na Cidadela.
      E ambos irão até Daenerys.

      Eu concluo que esse “Pate” é Jaqen.

      1. caramba, muito bem observado, parabéns pelo seu talento de ver as coisas nas entrelinhas, queria ter tempo de reler todos os livros antes do lançamento de Ventos de Inverno, se bem que, capaz de dar tempo kkkkkkk

  16. Mas aí esse “Jaquen” na verdade pode ser qualquer um seguidor da casa do Branco/Preto, pois todos, teoricamente, podem mudar de face…Vejo muito falando em “Jaqen”, quando ele diz ser só “um homem”.

    1. Na verdade, acho que no livro ele dá a idéia de que a pessoa só pode se transformar(mudar de rosto) em outra se ela o matou.
      Pois justamente o “Alquimista”(que seria o Jaqen alterado) conhece Pate. Pate “cai inconsciente”. Pate está vivo(possivelmente o alquimista “pegou” sua face após matá-lo).

  17. Até iniciar essa temporada e ler esse post, tinha a esperança de que os livros terminariam primeiro que a serie. E que teríamos a surpresa de os dois últimos livros serem finalizados em um curto espaço de tempo. No inicio o George foi bem mais ágil na escrita. Em 04 anos ele lançou os três primeiros livros.
    Mas já que isso e quase impossível, vamos aproveitar a série enquanto os livros não chegam.
    Apesar de achar quase impossível, ainda não acredito na morte do Jon.

  18. Adorei seu blog. Eu sou simplesmente viciada em GOT e viciei mais 3 colegas de trabalho tb, que por sinal tem amigos, irmãos, maridos, e namorados que acompanham a série.

Obrigado!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s